signature

7 dicas para deixar seu conteúdo em vídeo mais atrativo.

 

Os vídeos estão dominando a internet e produzir esse tipo de conteúdo é cada vez mais importante tanto para quem trabalha com a venda de conteúdos , quanto para quem quer ter uma estratégia de marketing digital mais eficiente . Vídeos são capazes de deixar sua comunicação mais clara e dinâmica, são excelentes para transmitir informações e mensagens complexas, são mais atrativos, te ajudam em termos de SEO e ainda geram mais engajamento e conversões em seu site, blog e redes sociais. Portanto, utilizar vídeos é essencial se você quer ter mais sucesso com seus conteúdos na internet e hoje, felizmente, criar esses materiais é cada vez mais simples e barato. Até mesmo com um celular é possível fazer vídeos com um bom conteúdo sem perder em nada quanto à qualidade e outras questões técnicas. Porém, com a popularização desses conteúdos e com cada vez mais vídeos sendo despejados na internet, é preciso que o seu material tenha algum diferencial perante a concorrência e, mais do que isso, seja capaz de conquistar a audiência ainda nos primeiros segundos. Caso contrário, ele será deixado de lado e trocado por um conteúdo semelhante e, aparentemente, melhor. Então, para garantir que seu vídeo é incrível e também o mais atrativo, você pode começar investindo em 7 pontos essenciais. Vamos falar sobre cada um deles abaixo, de forma mais aprofundada, e você poderá ver como produzir conteúdos mais interessantes. Vamos lá?

7 dicas para deixar seu conteúdo em vídeo mais atrativo

1. Planejamento

Antes de mais nada, é importante ter em mente que um conteúdo em vídeo nunca será interessante ou atrativo para a audiência se ele não for produzido a partir de um minucioso planejamento. Isso porque, é com o planejamento e um intenso trabalho de pesquisa que você poderá conhecer seu público, entender suas necessidades em termos de conteúdo, ver pelo que ele se interessa e, assim, criar vídeos cada vez mais assertivos e adequados. Portanto, antes de começar a produzir um vídeo, certifique-se de que ele segue o planejamento de sua estratégia como um todo, pense em seu público, e, a partir disso, defina como esse material será construído. Pense em como será sua abordagem, qual será o tom utilizado na comunicação, qual será a duração do vídeo (ainda vamos falar sobre isso também), onde ele será divulgado, e torne o conteúdo o mais adequado possível para sua audiência. Com isso feito e registrado, produza também um roteiro . É esse documento que vai te guiar na hora da gravação e ajudar a fazer com que seu conteúdo seja produzido seguindo o planejamento.

2. Introdução

A introdução de um vídeo é uma das partes mais importantes, pois é ela que, em grande parte, vai definir se uma pessoa vai continuar assistindo seu conteúdo ou não. De acordo com dados, 20% das pessoas desiste de um vídeo logo nos primeiros 10 segundos, e um terço abandona em até 30 segundos. Portanto, você tem mais ou menos 20 segundos para convencer o público de que seu conteúdo vale a pena, seja pelo humor, pelo conteúdo instrutivo, por algo curioso ou etc. Então, capriche na introdução e conquiste as pessoas ainda no início de seu vídeo. Você pode fazer isso de diferentes formas, como:
  • Fazendo perguntas instigantes ao público, que despertem curiosidade, criem expectativa e desejo de resposta ou debate;
  • Contando uma história atrativa, um caso ou dando um exemplo que gere identificação no público;
  • Sendo engraçado e simpático;
  • Se colocando no centro da ação (por exemplo, falando de centros urbanos enquanto anda por uma grande cidade).

3. Vinheta

Outro ponto que ajuda a destacar seu vídeo frente à concorrência é a existência de uma vinheta. As vinhetas, além de darem uma unidade e identidade visual aos conteúdos de seu canal ou de sua marca, dão um ar mais profissional a qualquer vídeo e o tornam mais atrativo e agradável de assistir. Portanto, caso seja possível, invista em uma vinheta para seus conteúdos. Para isso, você pode procurar por tutoriais de produção no Google, ou contratar um profissional para criar para você. Na hora de fazer a vinheta, alguns pontos são importantes:
  • Use o nome do seu canal ou crie uma vinheta para cada seção e tipo de conteúdo. Evite colocar apenas o nome da sua marca ou termos que não deem uma ideia geral do seu conteúdo.
  • Não faça uma vinheta muito demorada, pois isso pode cansar o usuário que vê muitos vídeos em sequência ou quer ganhar tempo.
  • Escolha a trilha sonora com cuidado. Ela será um importante ponto de identificação do seu canal e dos vídeos e não deve ser alta, irritante ou desconexa com o tema do canal.
  • Cuidado com mascotes e efeitos visuais. Quando mal feitos ou complexos demais, eles podem acabar virando piada ou cansando o espectador.
  • Aqui neste artigo você encontra alguns programas em que pode editar seus conteúdos e fazer vinhetas para seus vídeos. Vale dar uma olhada!

4. Conteúdo de qualidade

Você investiu em um bom planejamento, caprichou na abordagem e atraiu o espectador com uma boa introdução e uma vinheta incrível? Ótimo. Mas saiba que nada disso adianta se você não tiver um excelente conteúdo. Afinal, sua audiência só chegou até seu vídeo, pois estava em busca de um conteúdo que ela pensou que você pudesse oferecer. Então, se você não tiver isso, ela vai abandonar o material e sua estratégia ficará prejudicada. Portanto, você precisa investir em conteúdo e garantir que o que você oferece é raro, relevante e de alta qualidade técnica. Isso vai depender em grande parte de quão completo e eficiente foi o seu planejamento, afinal, é ali que você vai entender quais são as necessidades da sua audiência e como você pode ajudar a solucioná-las. Com isso em mente, você precisa ter uma boa abordagem do conteúdo, precisa trazer informações valiosas e claras sobre ele e precisa garantir que ele seja compreensível em termos técnicos, com uma boa iluminação, gravação , captação de áudio e edição. Feito isso, você terá muito mais chances de fidelizar sua audiência e mostrar que seus vídeos realmente valem a pena.

5. Boa duração

Outro ponto extremamente decisivo para o sucesso de um vídeo é a sua duração. Alguns dizem que vídeos mais extensos são melhores, por serem mais completos, enquanto outros dizem que os curtos são mais eficientes, por serem rápidos e dinâmicos. Mas então, afinal, qual é melhor? Isso quem vai dizer é o seu conteúdo e a sua audiência, por meio do planejamento. Em determinados contextos, como de cursos e videoaulas, conteúdos mais longos podem ser mais adequados e atrativos, pois podem conter mais informações e detalhes sobre um assunto. Em outros, como de vídeos de divulgação de um produto ou empresa, vídeos mais curtos podem ser melhores, pois vão direto ao ponto e são mais simples. Portanto, antes de definir a duração ideal de seus vídeos, pense em que contexto eles serão usados, quem irá assisti-los e também qual é o seu tema. Você consegue falar tudo que realmente precisa em 1 minuto? Ótimo. Se isso não é suficiente e sua audiência precisa de mais, não tenha medo de aumentar esse tempo. No mais, faça testes e vá descobrindo aos poucos qual tamanho de conteúdo é mais bem aceito por sua audiência.

6. Thumbnail

O thumbnail é um ponto extremamente importante para deixar seus vídeos mais atrativos. Sabe aquela imagem que aparece em suas redes sociais ou nos canais de conteúdo quando o vídeo está pausado ou ainda não começou? Aquilo é o thumbnail e, acredite, ele é um dos fatores que ajuda o espectador a decidir se deve ou não clicar para ver o vídeo. Um thumbnail que não diz nada sobre o conteúdo ou mostra um frame feio — com o ator em uma pose estranha ou com alguma coisa borrada pelo movimento — não desperta interesse em quem passa pelo vídeo e pode fazer com que ele seja facilmente ignorado pela audiência. Por isso, escolha seus thumbnails com cuidado e, se possível, crie imagens especiais para cada inserir em cada vídeo, com o título do conteúdo, ícones ou outros elementos atrativos. Isso também vai ajudar a criar uma identidade para seu canal ou seus conteúdos de forma geral e fazer com que eles fiquem muito mais atraentes para o público. Caso você não entenda muito de design e ainda assim queira produzir um bom thumbnail para seus vídeos, uma boa dica é utilizar ferramentas online como o Flimbo ou o Canva . Com elas, você pode criar thumbs totalmente novos ou adicionar elementos a um frame de vídeo que você achou bacana. Essas ferramentas são bastantes simples e intuitivas de usar e as imagens criadas serão um diferencial para sua estratégia.

7. Trilha sonora adequada

As músicas e efeitos que você escolhe inserir em um vídeo ajudam a reforçar e transmitir mensagens específicas para sua audiência e, portanto, essa é mais uma parte extremamente importante de qualquer conteúdo. Com a trilha sonora certa você consegue enfatizar a empolgação e dinamicidade do conteúdo, consegue criar expectativas quanto ao desfecho do vídeo, dá ritmo àquilo que você está mostrando e pode até manter o espectador mais atento ao conteúdo. Da mesma forma, uma trilha mal escolhida pode matar seu conteúdo, irritar o espectador e tirar a atenção do que realmente importa. Portanto, escolha suas músicas para vídeos com muito cuidado. Aqui neste artigo, você encontra dicas valiosas para definir a trilha certa e encantar o público com seu material .